Abrir Um MEI Pode Ser Um Erro Gigante (E Você Pode Estar Cometendo Agora!)

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp

Guia Prático Gratuito

ebook-final-400px.png

Como trabalhar com lembrancinhas e ganhar até R$ 4.000,00 Mil por mês, trabalhando no conforto da sua casa.

Abrir Um MEI Pode Ser Um Erro Gigante (E Você Pode Estar Cometendo Agora!)

Um dia eu já pensei assim também e com o tempo, depois de estudar e ver na prática, você descobre que nem tudo é aquilo que você pensa ou que falam pra você.

Antes de falar sobre algumas ilusões de se tornar um MEI, eu quero te alertar sobre os “falsos conselhos”.

Os Falsos Conselhos Para Empreendedores

Tome muito cuidado quando for comentar com alguém sobre seus sonhos, sobre o seu desejo de ter um negócio próprio, sobre a área em que você quer entrar (aqui, lembrancinhas).

A maior parte das pessoas com quem você decidiu falar se tornarão “experts” em negócios em um estalo, assim ó!

Não é verdade?

Vão te dar conselhos de “alta sabedoria”, que isso, que aquilo.

– Cuidado! É muito difícil empreender no Brasil.

ou então…

– Cê tá maluca, até parece… você?!!? Dona de um negócio?!? Vai montar em casa?!?! Hahaha….

ou pior… (o conselho da sabedoria)

– Montar um negócio não é pra você não! Tem que pagar muitas coisas, impostos, e você acaba fechando sem ganhar nada. Ainda vai sair no prejuízo.

Diz se não é assim que acontece?

Abrir Um MEI “Pode” Ser Um Erro Gigante

Porque estou dizendo isso? De cara você vai achar “meio louco” né?

Porque ao falarmos em abrir um MEI e se formalizar, muita gente cria uma série de ilusões a respeito de ter um CNPJ. A principal delas eu vou te apresentar logo abaixo.

Parece que o fato de ter um CNPJ é a solução de todos os problemas, mas na verdade “pode” ser o começo de alguns deles.

Ter um CNPJ é criar a chamada Pessoa Jurídica. Você é uma Pessoa Física e, sua empresa, é uma Pessoa Jurídica.

O CNPJ é como se fosse o CPF da sua empresa de lembrancinhas. É através dele que você irá responder em nome da sua empresa.

Portanto, você precisará fazer algumas mudanças em seu negócio para adaptá-lo ao CNPJ. Como, por exemplo, abrir uma conta bancária em nome da empresa, ou seja, do CNPJ.

Todo o dinheiro que for recebido de vendas e do seu trabalho deverá entrar para a conta da empresa, do CNPJ.

O Grande Erro: Comprar Mais Barato Com MEI (CNPJ)

“É muito bom você ter um CNPJ, pois assim você consegue comprar mais barato, com maiores facilidades”

– Mentira!

É a velha questão do “mal-explicado” ou do conselho errado.

Se você vai abrir um MEI achando que vai comprar suas lembrancinhas para personalizar mais baratas, vai cometer um grande erro. Essa é a mensagem!

Não tem nada disso. Ter um CNPJ não garante nada disso.

– Isso vale mesmo?! Existe?!

Sim, existe, mas em outro nível do seu negócio. Quando você já for capaz de fazer pedidos de compra grandes, onde possa negociar com seu fornecedor.

– Tudo é negociado.

Uma parceria de compra e venda tem que ser boa para os dois lados. Então, você poderá chegar em um momento, onde terá muitas vendas e aí sim, melhorar essa parceria.

Com grandes vendas você poderá conversar com seus fornecedores sobre prazos melhores de pagamento, descontos conforme a quantidade aumente, melhores formas de entrega, etc.

No fundo, a questão de descontos, comprar barato, etc, acontece após duas palavrinhas: Relacionamento e Negociação.

Com um bom relacionamento e sabendo negociar você consegue quase tudo o que precisa.

A Importância do MEI (CNPJ)

Você ter o seu MEI, o seu CNPJ é muito importante sim, mas não por este motivo, ok?

Nem mesmo pelos “benefícios” que o governo “dá”. Na verdade a abertura do seu CNPJ é um grande passo para você como empreendedora.

Sua empresa fica oficializada, você paga seus impostos certinhos e pode trabalhar com tranquilidade.

Além do fator da autoestima ficar legal também.

Quando você tem a sua empresa formalizada você passa a cuidar mais do seu negócio, levá-lo mais a sério e dedicar mais energia para que ele cresça de forma saudável e sustentável.

Se você quer aprender mais sobre o mercado de lembrancinhas e sobre como começar o seu negócio do jeito certo, cadastre-se me minha lista VIP para receber o meu Manual Gratuito sobre como começar um negócio de lembrancinhas.

E, também receber o melhor conteúdo, direto no seu email.

Basta clicar aqui, cadastrar o seu email e pronto.

Você ainda recebe o meu manual gratuito com todas as dicas deste negócio.

Fabiano Machado

Fabiano Machado

Engenheiro, apaixonado pelo empreendedorismo no mercado de lembrancinhas personalizadas. Em 2012, fundou o portal Como Fazer Lembrancinhas, agora "Lembrancinhas Lucrativas", que tornou-se referência no Brasil e impacta mais de 500 mil pessoas por ano.

Gostou do texto? Compartilhe abaixo nos comentários a sua opinião e ajude o nosso trabalho. 😉👇👇

Fabiano Machado

Fabiano Machado

Engenheiro, apaixonado pelo empreendedorismo no mercado de lembrancinhas personalizadas. Em 2012, fundou o portal Como Fazer Lembrancinhas, agora "Lembrancinhas Lucrativas", que tornou-se referência no Brasil e impacta mais de 500 mil pessoas por ano.

Deixe Seus Comentários:

Guia Prático

Como trabalhar com lembrancinhas e ganhar até R$ 4.000,00 por mês, no conforto da sua casa